Agricultura digital: o que é e quais são as vantagens

25 de maio de 2020 4 mins. de leitura
O uso de tecnologias e softwares integrados na agricultura digital criam um cenário inovador e positivo para o setor

O setor do agronegócio tem-se adequado às inovações tecnológicas que muitos outros setores já usufruem. A agricultura digital, por exemplo, faz parte de uma revolução que tem transformado a forma com que o produtor lida com o campo.

O uso de computadores, dispositivos e sensores estão cada vez mais presentes no meio rural. E, com as empresas tech atentas à evolução do agro, o surgimento de programas com interfaces mais didáticas e simples tem ajudado até mesmo quem não se dava bem com a gestão de dados do seu negócio.

A agricultura convencional vem dando espaço para um manejo mais preciso e eficiente. Com isso, o melhor aproveitamento dos recursos e a sustentabilidade na produção agregam tanto benefícios como valores para os empreendedores do campo.

O que é a agricultura digital?

(Fonte: Shutterstock)

A agricultura digital, também conhecida como Agro 4.0, surgiu a partir da necessidade do setor de se atualizar e acompanhar os avanços tecnológicos que já eram destaque em outras áreas. Afinal, a demanda por alimentos cresce a cada dia, mas o uso constante dos recursos e a falta de um manejo eficiente fazem com que a degradação das áreas cresça na mesma proporção.

Para garantir o aumento da produtividade sem comprometer a sustentabilidade da produção ao longo dos anos, fazer com que as fazendas e as soluções tecnológicas andem juntas é fundamental. Para suprir essa necessidade, surgiu a agricultura digital – o uso da tecnologia em benefício do agro.

As medidas mais comuns desse novo manejo são o uso de sensoriamento remoto, GPS nos maquinários agrícolas, sistemas integrados de gestão, sensores para identificação de pragas e problemas nutricionais. Tudo isso colabora para que o produtor saiba exatamente como agir da melhor maneira para garantir uma safra produtiva e manter recursos para ela continuar assim nos próximos anos.

Vantagens da agricultura digital

(Fonte: Shutterstock)

Ao comparar a agricultura digital à convencional, podemos listar vantagens que têm o potencial de transformar completamente o campo.

Otimização de processos

A integração entre todos os equipamentos e o sistema de gestão da fazenda favorecem a otimização de diversas etapas agrícolas, do plantio à colheita. Ao conhecer dados importantes sobre os maquinários, implementos e a área trabalhada, é possível que o produtor monitore quais são os processos que ainda faltam dentro de seu planejamento agrícola.

Isso impede, por exemplo, que haja repetição de uma área na hora da aplicação de fertilizantes, reduzindo desperdícios e custos. Além disso, o uso da agricultura digital dentro da de precisão faz com que esses cuidados sejam ainda mais otimizados, definindo quais áreas dentro da fazenda precisam ou não de certo manejo, evitando usar recursos onde não exista a necessidade deles.

Redução de custos

A otimização dos processos em si já ajuda na redução de custos de produção. No entanto, a agricultura digital pode ir além, revelando possíveis erros e falhas que não podiam ser identificados antes.

Ao monitorar todos os procedimentos de produção e integrar os dados em um mesmo sistema, o produtor pode, por exemplo, identificar qual é a área que tem gerado mais custos para a empresa, buscando soluções efetivas para economizar e aumentar a margem de lucro da lavoura.

Aumento da produtividade

Ao conhecer as particularidades da lavoura de forma mais precisa, a tomada de decisões se torna muito mais fácil e eficiente. Além disso, o uso de dispositivos de inteligência artificial, como sensores, facilitam o monitoramento das plantas em tempo real, fazendo com que o produtor visualize com clareza a saúde de sua lavoura e aja de acordo com o diagnóstico, aumentando a produtividade.

Quer ficar por dentro das novidades do agro? O Summit Agronegócio reúne especialistas e autoridades para discutir os temas mais relevantes do setor, acompanhe. Para saber mais, é só clicar aqui!

Fonte: Jacto.

Gostou? Compartilhe!