Portos brasileiros aceleram escoamento da produção na pandemia

24 de junho de 2020 4 mins. de leitura
Movimentação nos portos recupera ritmo de crescimento após forte redução das cargas nos primeiros meses do ano
Quer impulsionar seus negócios? Se inscreva no Summit Agronegócio, evento que reúne os maiores especialistas em agro do País. *** O volume de carga transportado via portos brasileiros apresentou forte crescimento em março e abril e retomou, no primeiro quadrimestre, o mesmo nível de 2019. De janeiro a abril, 340 milhões de toneladas de produtos entraram ou saíram do Brasil por terminais marítimos ou fluviais, um resultado 1,82% superior ao mesmo período do ano passado, de acordo com dados da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq). A maior variação nos primeiros quatro meses do ano aconteceu nas exportações. A paralisação das compras chinesas derrubou em 19% o volume exportado em janeiro, se comparado ao mesmo mês do ano anterior. Em fevereiro, foi a vez dos países europeus fecharem suas economias, e os embarques regrediram 2,67%. A partir de março, a tendência se reverteu, com crescimento de 7,26% no volume exportado pelos terminais brasileiros. Em abril, com o controle da pandemia no mundo e a reabertura das economias, os embarques aceleraram e foram 25% maiores quando comparados aos números de 2019.

Recordes no agronegócio

As exportações da soja em grão no Porto de Paranaguá subiram de 4,29 milhões de toneladas nos cinco primeiros meses de 2019 para 7,28 milhões toneladas no período em 2020 (Fonte: Agência de Notícias do Paraná)
As exportações de soja em grão no Porto de Paranaguá subiram de 4,29 milhões de toneladas nos cinco primeiros meses de 2019 para 7,28 milhões de toneladas em 2020. (Fonte: Agência de Notícias do Paraná)
O agronegócio aumentou a participação nos embarques brasileiros devido ao crescimento do volume do escoamento dos produtos agrícolas, enquanto houve recuo dos demais produtos da balança comercial. A participação do setor nas exportações atingiu o patamar recorde de 55,8%; em abril de 2019, essa taxa foi de 42,2%. As vendas externas também bateram recorde, alcançando mais de US$ 10 bilhões em um mês de abril, segundo dados do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). O maior volume anterior no período foi em 2013, quando os embarques atingiram US$ 9,65 bilhões. O resultado foi impulsionado pela exportação da soja em grão, representando US$ 5,46 bilhões, em um crescimento de 65% quando comparado a abril do ano passado. A China ficou com 73,4% do produto no primeiro quadrimestre, com aumento de 26,6% em relação ao mesmo período do ano anterior.

Cuidados com a covid-19 nos portos

30 mil pessoas trabalham diariamente no Porto de Santos, o mais movimentado do Brasil (Fonte: Ministério dos Transportes)
30 mil pessoas trabalham diariamente no Porto de Santos, o mais movimentado do Brasil. (Fonte: Ministério dos Transportes)
Para garantir a segurança dos trabalhadores portuários, o governo federal editou a Medida Provisória n. 945/2020, com regras para a escalação de funcionários por meio de tecnologias, reduzindo a presença de pessoas nos portos. A MP proíbe que os órgãos gestores de mão de obra convoquem trabalhadores com sintomas semelhantes aos de gripe ou resfriado, diagnosticados com covid-19 ou que estejam em grupos de riscos, como gestantes ou lactantes, pessoas com idade superior a 60 anos e portadores de imunodeficiência ou doenças respiratórias, crônicas ou graves. Os trabalhadores nessas condições têm o direito de receber uma indenização mensal correspondente à metade da média mensal recebida entre outubro de 2019 e março de 2020. Operadores portuários que pagarem as indenizações terão direito a desconto em tarifas equivalentes ao recurso pago ou à renegociação de seus contratos Quer ficar por dentro das novidades sobre exportações no agronegócio? O Summit Agronegócio reúne especialistas e autoridades para discutir os temas mais relevantes do setor, como impacto do aumento do dólar e da pandemia nos preços, demandas e expectativas, além de selos necessários. Faça parte da evolução do agro e participe do evento mais completo do setor. Para saber mais, é só clicar aqui! Fonte: Governo do Brasil, Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), Ministério da Agricultura, Pecuária e do Abastecimento (Mapa) e Porto de Santos.
Gostou? Compartilhe!