Uso de LED no cultivo de tomate aumenta produtividade

Pesquisas apresentaram crescimento de aproximadamente 15% na produtividade do minitomate Sweet Grape

Uso de LED no cultivo de tomate aumenta produtividade
09/04/2020 • 2 min. de leitura

As mudanças climáticas afetam diretamente a produtividade dos cultivos de tomate. Como alternativa, profissionais e especialistas desenvolveram testes que utilizam iluminação artificial para acelerar e aprimorar o cultivo do fruto. A ideia principal é reduzir os riscos de perda do plantio e proteger a produção contra as adversidades climáticas, como o excesso de chuvas e as geadas.

A técnica de iluminação

(Fonte: Shutterstock)

As técnicas estudadas pelos alunos do Grupo de Estudos e Práticas em Olericultura (Gepol) da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq), da USP, em Piracicaba, foram aplicadas com a intenção de entender a eficiência e a utilidade do cultivo protegido com luz artificial.

A suplementação luminosa — nome dado ao método de iluminação artificial — é feita com a instalação de lâmpadas LED vermelhas e azuis no interior do dossel (parte das folhagens encontradas acima do solo) das plantas de tomate. Para refinar a aplicação da técnica, são misturadas as cores de luzes que, de acordo com a frequência de disparo sobre as plantas e o comprimento de onda luminoso, atuam diretamente no processo de fotossíntese, bem como nos desenvolvimentos químico e biológico que agem no crescimento da planta.

"Uma das principais vantagens dessa tecnologia é poder complementar a radiação solar em regiões com menor incidência de luz ou poder iluminar partes da planta que recebem menor luz proveniente do sol pelo sombreamento, como é o caso do tomate. À medida que a planta vai se desenvolvendo, as partes mais baixas da planta recebem menos luz pelo sombreamento do topo da planta. Portanto, o uso de barras de LED colocadas na altura das partes da planta que recebem menos radiação podem aumentar a produtividade porque a planta irá realizar mais fotossíntese e produzir energia para a produção de frutos”, afirma professora do Departamento de Produção Vegetal (LPV) da Esalq.

A importância da iluminação no cultivo de hortaliças

(Fonte: Shutterstock)

A iluminação é parte fundamental de qualquer processo de evolução e desenvolvimento de vegetais. Desde o plantio até a colheita, a incidência de raios luminosos interfere ativamente no sucesso ou não do cultivo e, para minimizar os riscos de perdas, a técnica também poderá ser aplicada em outros tipos de hortaliça, como pepino e pimentão.

Os estudos sobre o uso de iluminação artificial tendem a crescer muito, principalmente por conta das condições climáticas a quais os alimentos estão sendo submetidos.

Se interessou pelo assunto? Aprenda mais com especialistas da área no Summit Agro. Enquanto isso, acompanhe as notícias mais relevantes do setor pelo blog. Para saber mais, é só clicar aqui.

Fonte: USP; Fapesp