Peste suína africana pode alavancar óleo de palma

8 de janeiro de 2019 1 min. de leitura
O avanço da doença na China deve reduzir as importações de soja, usada para ração animal e extração de óleo vegetal, e aumentar a demanda por palma
A peste suína africana (ASF, na sigla em inglês), que continua se espalhando pela China, pode ajudar a recuperação dos preços do óleo de palma, na análise da corretora TA Securities. Os especialistas consideram que o sentimento pessimista do mercado em relação à carne suína possa reduzir as importações chinesas de soja e seus derivados, utilizados na alimentação animal. Na avaliação da TA Securities, o possível recuo nas importações de soja reduziria a oferta de óleo de soja e poderia aumentar a demanda por óleo de palma, de preço mais baixo. Dessa forma, a corretora atualizou o indicador do setor de óleo palma da Malásia para neutro e manteve a previsão de preço médio do óleo em 2.400 ringgits por tonelada. Fonte: Dow Jones Newswires
Gostou? Compartilhe!