Conheça os melhores cafés do Brasil

1 de outubro de 2019 4 mins. de leitura
Associação Brasileira da Indústria do Café (ABIC) revela os produtos vencedores nas categorias gourmet, superior, tradicional e extraforte

Hoje é comemorado o dia internacional do café, a bebida que dá nome à primeira refeição do dia dos brasileiros. A data foi escolhida pela Associação Brasileira da Indústria de Café (ABIC) para a premiação dos cafés “Melhores da Qualidade 2018/2019”, que aconteceu pela manhã, no hotel Renaissance, na capital paulista.

O Programa de Qualidade do Café (PQC) foi criado pela ABIC, que representa 75% do mercado de café torrado e moído no Brasil, em 2004. “O PQC é um dos únicos no mundo a avaliar o produto final, aquele que está na gôndola e que o consumidor toma”, diz Ricardo Silveira, presidente da ABIC.

O PQC audita o processo de industrialização e o produto final. Para isso, são feitos monitoramentos periódicos. De julho de 2018 até julho deste ano, foram realizadas mais de 5 mil coletas e análises de produtos. “É um processo amplo, que envolve mais de 30 técnicos especializados em avaliação da qualidade do café e utiliza três laboratórios credenciados. Neste ano, atingimos mais de 1.000 marcas certificadas pelo programa”, explica o presidente.


Leia também
> Segmentação é tendência no mundo dos cafés do Brasil
> Minas Gerais é destaque do 28º Prêmio Ernesto Illy de Café


A linha de corte para receber o selo do PQC é 4,5 pontos. Abaixo dessa pontuação, os produtos não são recomendados. A premiação dos cafés é segmentada por categorias: Tradicional e Extraforte (de 4,5 pontos até 5,9 pontos); Superior (de 6 pontos até 7,2 pontos) e Gourmet (de 7,3 pontos até 10).

Parceria com a Proteste

Durante a cerimônia de premiação, a ABIC firmou um termo de cooperação com a Associação Brasileira de Defesa do Consumidor (Proteste) – uma organização sem fins lucrativos, de origem belga, que atua no Brasil há 18 anos –, com o intuito de fortalecer a oferta de produtos de qualidade. “Quem fraudar vai ser cortado da ABIC”, diz Silveira.

Segundo ele, o principal problema é a compra de matéria-prima adulterada, de má qualidade. “Visualmente, um café torrado e moído de qualidade e sem qualidade são muito parecidos, o consumidor não consegue identificar isso”, explica. “Por isso que a gente manda para o laboratório para fazer análise. Todos os cafés com o selo PQC, a ABIC garante”, diz.

A edição atual da avaliação da qualidade dos cafés trouxe mudanças. Ela foi segmentada por porte de empresa. Ou seja, foi escolhido o vencedor de cada categoria de acordo com o tamanho da indústria: pequena, média ou grande. Além disso, nas categorias de café Gourmet e Superior, além da avaliação dos produtos torrados e moídos, foram escolhidos também os melhores cafés em grãos. Confira abaixo a lista completa dos vencedores.

MELHORES DA QUALIDADE ABIC 2018/2019

>> CATEGORIA GOURMET – TORRADO E MOÍDO

(de 7,3 pontos até 10 pontos)

 Café do Produtor Espresso – Empresa de Pequeno Porte

Café do Centro Bahia – Empresa de Médio Porte

Rituais Cerrado Mineiro – Empresa de Grande Porte

>> CATEGORIA GOURMET – GRÃOS

(de 7,3 pontos até 10 pontos)

Rubio Arábica – Empresa de Pequeno Porte

Café Canecão Expresso – Empresa de Médio Porte

Prima Qualitá Expresso – Empresa de Grande Porte

 >>CATEGORIA SUPERIOR – TORRADO E MOÍDO

(Acima de 6 pontos até 7,2 pontos)

 Café Aviação – Empresa de Pequeno Porte

Café Canecão Premium – Empresa de Médio Porte

Melitta Café Especial – Empresa de Grande Porte

 >>CATEGORIA SUPERIOR – GRÃOS

(Acima de 6 pontos até 7,2 pontos)

 Café Vergato grãos para espresso – Empresa de Pequeno Porte

Café Kuhl Expresso superior – Empresa de Médio Porte

Café Terrazza Expresso – Empresa de Grande Porte

 >> CATEGORIA TRADICIONAL – TORRADO E MOÍDO

(De 4,5 pontos até 5,9 pontos) 

Café Coringa – Empresa de Pequeno Porte

Café Excelsior Tradicional – Empresa de Médio Porte

Café Iguaçu – Empresa de Grande Porte

 >> EXTRAFORTE – TORRADO E MOÍDO | SUBCATEGORIA DO TRADICIONAL

(De 4,5 pontos até 5,9 pontos)

 Café Cristal Extraforte – Empresa de Pequeno Porte

Café Itaú Extraforte – Empresa de Médio Porte

Café Pacaembu Extraforte – Empresa de Grande Porte

Por Lívia Andrade

Gostou? Compartilhe!